Desta vez, Greta encontra palavras não apenas claras, mas coloca toda sua frustração e raiva em relação à inércia dos governos, do tímido encaminhamento de uma solução global para emergência climática! Em seus argumentos ela apela para a democracia direta, povo na rua x governo atual. Com duplo endereço: às nações ali presentes e aos jovens ao redor do mundo, convocando todos para ações cada vez mais contundentes. Um grito de guerra democrática!!

 

Discurso duro e emotivo, para chacoalhar nações e … os jovens nas ruas!